Era uma vez onze... Formatura do Curso de Bacharelado em Teologia da FLT

Era uma vez onze....

No dia 11 de julho, 11 formandos colam grau às 11 horas

Formatura do Curso de Bacharelado em Teologia da FLT

Chegar ao fim de um curso de Teologia é uma grande vitória e, ao mesmo tempo, um marco para o início de um ministério desafiador. O dia 11 de julho foi um desses marcos. A Faculdade Luterana de Teologia, juntamente com pais, familiares, amigos, mantenedores e convidados, foram testemunhas de um momento muito especial de alegria, gratidão, emoção e testemunho, marcados acima de tudo pela Palavra de Deus, ao presenciarem a formatura de 11 estudantes do Curso de Bacharelado em Teologia da FLT. A cerimônia teve início às 10 horas, com culto de ações de graças, dirigido pelo Prof. Dr. Vitor Hugo Schell, na Igreja Evangélica Luterana de São Bento do Sul, centro. A pregação sobre o lema da turma, “até aqui nos ajudou o Senhor” [1 Samuel 7.12b] foi realizada pelo Prof. Ms. Marcelo Jung, também pastor na Comunidade Evangélica de Oxford. Os formandos foram desafiados, a partir dessa palavra, em primeiro lugar, a olhar para trás, para a sua história e trajetória com gratidão. Deus esteve presente em todos os momentos, também nos difíceis, àqueles que temos dificuldade de reconhecer a sua presença. Em segundo lugar, os formandos foram desafiados a se lembrar de que, como teólogos, não estão prontos e que a tarefa que eles têm é inacabada. Saber que até aqui nos ajudou o Senhor não deve nos levar ao comodismo, mas sim ao compromisso com o Senhor e com as pessoas. A mesma palavra, diz Jung, é uma palavra de esperança. Se até aqui nos ajudou o Senhor, isso é palavra que nos anima a olhar para frente, para o futuro ministério com confiança e fidelidade, sabendo que o Senhor está e estará presente em todos os desafios. Os hinos “Deus está presente” e “Em nada ponho a minha fé”, entoados por toda a comunidade festiva, marcaram profundamente essa Palavra anunciada!

Na sequência, os formandos foram conduzidos para o ato de colação de grau pelo Paraninfo da turma, Prof. Dr. Roger Marcel Wanke. Muitas foram as palavras especiais ditas e ouvidas neste dia festivo. Além das palavras do orador da turma, Ednilson Clemente, e de todas as homenagens feitas pelos formandos, aos pais e mantenedores, aos amigos e conjugues, aos mestres e não por último a Deus, o paraninfo deixou aos formandos uma palavra de encorajamento, a partir de Juízes 6.11-14, onde Gideão é chamado por Deus para ser seu juiz e libertador do Povo de Israel. Wanke destacou, que o Senhor nos chama e nos envia para dentro da realidade do pecado, seja do próprio povo de Deus, seja da sociedade e do mundo. Para dentro desta realidade somos chamados a anunciar o perdão que vem por meio de Jesus Cristo. Nessa tarefa, o Senhor não nos abandona, mas nos promete sua presença e nos fortalece, diante do medo e das circunstâncias contrárias: “O Senhor é contigo homem valente! Vai nesta tua força; porventura não te enviei eu?” [Jz 6.12,14]. O diretor executivo da Missão Evangélica União Cristã (MEUC), Mis. Carlos Alberto Kunz trouxe palavras de saudações aos formandos baseadas no Salmo 119.11: “Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti”. Kunz aponta para o fato de hoje, em uma sociedade da multimídia, se guardar a Palavra de Deus de muitas formas. O decisivo, segundo Kunz, é guardar a Palavra de Deus no coração. Kunz também destaca que a boa formação teológica não é um troféu, mas sim instrumento de serviço no Reino de Deus. O P. Inácio Lemke, 2º Vice-Presidente da IECLB e pastor sinodal do Sínodo Norte Catarinense trouxe sua palavra de saudação em nome da Presidência da IECLB e do Conselho Sinodal, destacando, a partir de Mateus 25.14-30, a Parábola dos Talentos, que Deus nos dá talentos e que não devemos enterrar os talentos dados por Deus, mas torná-los frutíferos no ministério, não importa aonde se vá. Por fim, o Diretor geral da FLT, Prof. Dr. Claus Schwambach, tomou a palavra agradecendo, num primeiro momento a todos os pais, familiares, amigos e mantenedores. De forma especial, Schwambach agradeceu à IECLB e à MEUC, que com seus programas de bolsa de gratuidade têm contribuído de forma grandiosa na formação teológica, possibilitando que esses estudantes possam se preparar bem para o exercício do ministério, seja como ministro e ministra na IECLB ou como missionário no contexto da MEUC. Aos formandos, Schwambach destaca, a partir do texto de Isaías 43.1-3, a não temer diante dos desafios, pois somos do Senhor, a Ele pertencemos. O Senhor prometeu sua presença ao se passar pelas águas, pelos rios e pelo fogo. O Senhor nos criou, chamou e nos remiu. Ele é o Senhor!

Aos formandos e à única formanda da turma a FLT deseja as ricas bênçãos do Senhor no ministério, agora no início da caminhada no PPHM e também no ministério na MEUC. Sejam vocês testemunhas vivas do Deus vivo e façam a diferença neste mundo! “Pois vocês receberam poder do Espírito Santo e serão testemunhas vivas de Jesus Cristo tanto em Mato Preto, como em toda a MEUC e IECLB e até os confins do Ribeirão Pipoca”.

Os formandos e a formanda são: André A. Baumann (Joinville), André F. Vogel (Jaraguá do Sul), David M. Pabst (Joinville), Ednilson Clemente (Brusque), Jean de Borba (Joinville), Josiel da Silva Amaral (Florianópolis), Rafael Klabunde (Pomerode), Rafael Wetzel (Trombudo Central), Renan Schlemper (Rancho Queimado), Sabina Decker (Joinville) e Sérgio Selke (Campo Alegre).

Prof. Dr. Roger Marcel Wanke

Faculdade Luterana de Teologia - FLT
Rua Wally Malschitzki, 164 - Mato Preto
São Bento do Sul - SC - CEP 89285-295